Batuta

Projeto desenvolvido no Bootcamp de UX Design da Tera.

Introdução

O Batuta foi um projeto desenvolvido no Bootcamp de UX Design ministrado pela Tera, entre os meses de Fevereiro e Abril de 2021.

A dinâmica de aprendizagem da Tera é composta por aulas e por um projeto desenvolvido no curso, através de um desafio. O conteúdo compartilhado pelas aulas foi posto em prática ao longo desse projeto. Esse case contará um pouco desse experiência e aprendizados do trabalho em grupo.
Ano
2021
Função
UX/UI Designer e UX Researcher
Equipe
Annay Moreira,
Fabrizzio Staffa Nascimento,
Lucas Mauric,
Mariza Moura,
Matheus Sakita e
Solón Ferreira

Ponto de partida

A partir do desafio recebido – de "como aumentar a qualidade de vida dos idosos que moram sozinhos" – nosso primeiro passo foi entender quem é o nosso usuário principal e o que temos de informações sobre ele (de portais e centros de pesquisa confiáveis).

UX Research

Para conhecer esse usuário, utilizamos 3 métodos de pesquisa, em fases diferentes. Começamos com uma Desk Research, com pesquisas feitas por grandes institutos. Com os dados levantados, criamos a primeira (de muitas) Matriz CSD (Certeza, Suposições e Dúvidas), que nos auxiliou na criação de um roteiro para a fase de Entrevistas Qualitativas e Quantitativas.

Insights

A pandemia da COVID-19 – momento em que esse projeto foi desenvolvido – impediu que as entrevistas fossem feitas presencialmente, e por tal motivo, acabou limitando o recorte de público possível para o projeto. Umas das hipóteses que tínhamos – que foi tirada a partir de dados pesquisados na Desk Research – era sobre a dificuldade que os idosos teriam em consumir produtos digitais.
Para nossa surpresa, tivemos um engajamento enorme desse público nas respostas da pesquisa Quantitativa, e as pesquisas Qualitativas apontaram para um maior traquejo e interesse na utilização de produtos digitais por parte desse público (a pandemia trouxe uma necessidade desse público interagir mais com produtos digitais).

Produto

A partir dos insights levantados das pesquisas qualitativas e quantitativas, vimos a oportunidade de criar um produto digital que pudesse suprir necessidades desse grupo.
Nosso objetivo foi trabalhar aspectos importantes que foram trazidos pelos especialistas: a necessidade de sentir-se útil, se manter ativo e compartilhar histórias, experiências, momentos. Em seguida, definimos o nome e o posicionamento desse produto, com foco na troca de experiências e se distanciando de um universo de cursos e EAD.

Acessibilidade

Fizemos um levantamento de materiais que abordam usabilidade para os idosos. Quais são os problemas de usabilidade que eles enfrentam? Que tipo de comportamentos podemos levar em consideração ao desenvolver um produto para essa faixa etária?
A partir disso, decidimos focar em dois fluxos principais: Onboarding e Fluxo de agendamento de uma experiência.
Um dos pontos principais levantados, foi de criar recursos de navegação assistida em diversos momentos da jornada desse usuário: na parte de Onboarding, para que esse público entenda a proposta de valor da plataforma, e como se dá seu funcionamento básico. Assim como uma área de ajuda, em um botão fixo em toda a aplicação, em conjunto com a utilização de recursos de visibilidade de sistema.

Identidade Visual

Com a definição dos fluxos a serem desenvolvidos, partimos para a construção da identidade visual e Design System desse produto. Marca, tipografia, sistema de cores, ilustrações e componentes da plataforma.

UI Guidelines

O desafio seguinte foi entendermos quais seriam os pontos principais e boas práticas que iríamos utilizar no design da nossa interface. Utilizamos como norte recomendações do Material Design, artigos de pesquisa e Heurísticas de Nielsen, para a elaboração de Guidelines de UI e Style Guide.

Fluxos de prototipação

Desenhamos Wireframes para esses dois fluxos que definimos como centrais para a experiência da nossa plataforma (Onboarding e agendamento de experiência), depois o aprimoramos desenvolvendo o layout a partir do Design System e Style Guide criados.

Fluxo de Onboarding

Fluxo de agendamento de experiência

Conclusão

Com os dois fluxos principais prototipados, o próximo passo é fazer um teste de usabilidade com os idosos, captar novos insights e continuar com o processo de iteração.

Conheça outros projetos